Volte ao SPIN

SPIN01 SPIN02 SPIN03 SPIN04 SPIN05 SPIN06 SPIN07
SPIN08 SPIN09 SPIN10 SPIN11 SPIN12 SPIN13 SPIN14
SPIN15 SPIN16 SPIN17 SPIN18 SPIN19 SPIN20 SPIN21
SPIN22 SPIN23 SPIN24 SPIN25 SPIN26 SPIN27 SPIN28
SPIN29 SPIN30 SPIN31 SPIN32 SPIN33 SPIN34 SPIN35
SPIN36 SPIN37 SPIN38 SPIN39 SPIN40 SPIN41 SPIN42
SPIN43 SPIN44 SPIN45 SPIN46 SPIN47 SPIN48 SPIN49
SPIN50 SPIN51 SPIN52 SPIN53 SPIN54 SPIN55 SPIN56
SPIN57 SPIN58 SPIN59 SPIN60 SPIN61 SPIN62 SPIN63

SPIN64 SPIN65 SPIN66 SPIN67 SPIN68 SPIN69 SPIN70
SPIN71 SPIN72 SPIN73 SPIN74

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Como eu gostaria de ser velado

Ah, não sei como passou batido aqui no blog essas belas imagens do velório de Virgínia Lane, me deu até uma vontade de ser velado assim também, não que eu seja vedete[trabalho é na Justiça ou curadoria] depois do velório é só tocar fogo, cremar se houver grana para pagar o crematório como a dizer que na vida é tudo tão efêmero, de forma que, o que importa mesmo, é a felicidade agora e, pq não, um gestual no último instante da despedida

sexta-feira, 29 de março de 2013

spinLeaks



Visão: o primeiro momento


Umas 15 mil pessoas participamos, durante o 49º Congresso da UNE, de uma passeata pelas ruas do centro de Goiânia, a favor do Governo Lula, contra o golpismo e contra a corrupção. Mesmo diante da constatação de erros de membros do PT, acredito que o PT, após esta avalanche de erros e crimes, venha a se redimir. Nenhum crime=doença justifica esta forçação de barra e mentiras da imprensa. Tempos atrás, a imprensa, fazendo coro com a polícia, fez de tudo para montar uma história de atentado às crianças praticado por donos da Escola Base, de São Paulo. Os jornalistas, sem qualquer prova, fizeram de tudo para dizer que um certo crime havia sido praticado quando na verdade nada do que estava sendo noticiado era verdade. Houve tentativa de linchamento por parte da população.

Spinleaks




hoje andamos procurando coisas para aprontar um trabalho de improviso para o res
do chão (ex)>>> mas a porta estava fecahda quando voltamos paras pegar a taça do
exu caveira>>> vermelha>>> ou fumaça para são jorge>>> ou defimador para oxalá>>>
eles devem ser sempre lembrados>>> eu devo ser lembrado pouco>>> mas hoje o dia
amanheceu azul demais>>>azulogum>>> ou azulblues>>> de qualquer forma o arthur já
foi, cecilia foi tambem e meu amor nesse momento 15:35 fuma um cigarro achando que
pode se confortar>>> a casa esta vazia e acho que é um bom momento para ingerir
aquela dose de chumbinho quer comprei do camelo lo largo da carioca>>>detesto
viajar de avião>>>prefiria onibus>>> e a paisagem terrena>>> sou da terra
vermelhaurucum>>>da terra de pasto e boi>>> terra vermelhacerrado>>> que me fez
lembrar da minha sanguinea>>> minha irmâ que faz aniversario hoje e do jose carlos
lima para quem esse texto vai tambem>>>amo e assombro>>> e todos nós tambem>>>
arthur um grande abraço e até a proxima>> cecilia tambem>> garotas nos vemos em
macapá >>>>anderson saudades<<<
sentir o vento para provar que é uma maquina>>> e sentir o gosto para provar que é
uma maquina>>>
correr para provar que é uma maquina>>> lembrtar  do citibank e dos tapas para
provar que é uma maquina>>> de yemonja para provar que é uma maquina>>> pequena
terra desejante é uma maquina>>> pequeno é um furacão que é uma maquina de exu>>>
quando a agua do ceu desaba prova que estamos aqui terrenos>>>precisamos de mais
terra e menos céu>>>tenho que andar para me sentir pertencente>>> tenho que chorar
para provar que tenho lágrimas>>> tenho que correr só para provar que tenho
asas>>>tenho que doar minahs asas para quem eu amo e para provar que tenho
liberdade>>>tenho que ver o mar do alto para provar que é uma maquina>>>

texto performance indidividual - modelo :
ação: escrever para água do céu desabar fazer barulhos com a garganta e assim
evitar o cancer.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

A História de Idéia. Versículos 62 a 64

62 Incrível como nossos olhos=seres se acostumam a tudo
Com gente quebrando pedra o dia todo para ganhar 1 real
quem paga o tal 1 real=dólar?
Gente que ganha milhões de dólares=reais
Vai ver que a matriz fica lá na América do Norte
eles nem sabem nem querem saber
colocam intermediários=terceirizadores=gatos
que contrata outro intermediário=gato

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Elizeth Cardoso & Ney Matogrosso & Raphael Rabello

Elizeth Cardoso era dançarina e dançava com outras moças, tendo sido escolhida para atuar como crooner, quando foi descoberta,,fez muito sucesso,,enriqueceu muitos donos de gravadoras até ser abandonada por elas (gravadoras) na década de 90 quando, para a indústria cultural, já não seria mais comercial...como se vê a grana destruindo o que de bom há neste país...
Ela não seria mais comercial ...no entanto ela fincou o pé no chão..ela disse que em casa até esquecia que era artista,,
Já no palco Elizeth Cardoso era isso, como podem ignorar uma pessoa dessa por não ser mais comercial,,por ter sido abandonada ela começou a sentir dores por todo o corpo,,a somatização das dores da alma no corpo

http://www.youtube.com/watch?v=uRV-v-fZryU&feature=related
Hoje tem o imperdível Ney,,grave, pois é histórico...
Sinpose:
Uma das vozes mais expressivas da música brasileira, um artista performático que nos anos 70 escandalizou e encantou o Brasil. Ele é Ney Matogrosso, o convidado de Fernando Faro no Ensaio desta quarta-feira (5/5), às 23h, na TV Cultura.

Ney lembra do primeiro Ensaio que gravou, em 1990, e que teve a presença do violonista Raphael Rabello. Sua participação marcou a reestreia do programa, que antes era chamado de MPB Especial e deixou se ser exibido por 15 anos.

O artista fala também, dentre outros assuntos, sobre a sua relação com as drogas e a polêmica que existe em torno do Santo Daime. “O Daime mexe com o nosso inconsciente. Ele não é uma religião, meramente. A bebida você toma e ela vai trabalhar você. Você vai saber quem é de verdade”. Ney diz ainda que teve experiências reveladoras no período em que usou drogas, mas que hoje em dia as considera impuras.

Sobre o Secos e Molhados [lançado em 1973, o grupo teve grande repercussão no Brasil e no exterior, e era formado por Ney Matogrosso, Gerson Conrad e João Ricardo], o cantor esclarece: “Eu agradeço ter surgido na música e ter surgido como artista dentro do Secos e Molhados. Agradeço mesmo. Acho que foi um trabalho que mudou as mentes do Brasil”.

O cantor revela ainda como a pintura no rosto mudou sua personalidade. “No momento que eu perdi o rosto, que deixei de ser eu, parece que eu falei Shazan, eu virei outra coisa. Eu virei uma pessoa que não tinha medo de nada”.

No repertório do programa, clássicos na voz do cantor como Tango para Tereza, A Distância, Medo de amar, Incinero e Mulher sem razão.

http://www.tvcultura.com.br/conteudo/25826
.
.............
Atualização - 09:33

Estás a fazer o que agora,,,que tal participar da sessão de vídeos do portal do Luis Nassif
.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Ministro, Salve Cesare Batistti

Mensagem do jornalista Rui Martins ao ministro da Justiça, Tarso Genro, sobre o pedido de extradição da Itália “berlusconiana” do preso político Cesare Battisti, ao qual o Brasil vem negando a concessão de asilo político.

Exmo. Sr. Ministro da Justiça, Tarso Genro

Nesta altura, já lhe deve ter sido entregue o recurso em favor do cidadão italiano Cesare Battisti, preso há quase dois anos no Brasil, cuja extradição foi pedida pela Itália, sob a acusação de ter cometido quatro crimes, dos quais Battisti nega ser o autor. A Conare, com base no pedido italiano, negou a Battisti a concessão de asilo político.


quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Carta de Cesare Battisti

Mensagem de Cesare Battisti

CAROS AMIGOS e companheiros, durante todo o tempo que estou no Brasil, bem antes de ser preso, até o presente momento, tenho sido alvo de forças obscurantistas orquestradas por integrantes do governo Italiano, que de forma ardilosa trabalham inflexivelmente no sentido de ''preparar o terreno'' junto ao poder judiciário Brasileiro, com a finalidade de ''apressar'' o processo de extradição para aquele país. Esta pressão é fato notório, articulado pela embaixada italiana visando influenciar o poder judiciário Brasileiro, através de seu Procurador o advogado Nabor Bulhões, que usa de toda a sua influência, com o intuito de confundir a Justiça, confundir os meios de comunicação e até o Legislativo. Tendo como objetivo, de forma fraudulenta, alterar os fatos, alterar os fatos, para classificar-me como ''criminoso comum'' ao invés de ativista Político, usa destas manobras junto à mídia, judiciário e legislativo numa clara agressão aos meus direitos como Refugiado Político. Numa clara diferenciação de meu status com outros refugiados italianos, sob o argumento inverídico usado pela embaixada italiana de que meus atos como ativista político, seriam crimes comuns,